Seprev lança edital para credenciamento de comunidades acolhedoras

A Secretaria de Estado de Prevenção à Violência (Seprev) publicou, nesta quinta-feira (14), no Diário Oficial do Estado, o Edital de Chamamento Público para credenciamento de comunidades acolhedoras que tenham o interesse em participar da Rede Acolhe. Ao todo, as instituições devem ofertar 750 vagas para acolhimento de dependentes químicos alagoanos.

As vagas ofertadas serão financiadas pelo Governo de Alagoas, por meio do Fundo Estadual de Combate e Erradicação da Pobreza (Fecoep). Elas são divididas em quatro modalidades, sendo: Masculino, Feminino, Adolescente Masculino e Adolescente Feminino.“Este edital visa dar continuidade aos serviços de acolhimento prestados pelo Governo de Alagoas, por meio da Rede Acolhe, que já beneficiou mais de 25 mil pessoas em todo o estado. É um trabalho de referência nacional e que vem auxiliando na recuperação das pessoas que tiveram suas vidas devastadas pelas drogas”, explicou a titular da Seprev, Esvalda Bittencourt.

O edital prevê a destinação de recursos para as instituições acolhedoras no valor de R$ 33,00 a diária para o sexo masculino e R$ 55,00 para o sexo feminino e adolescentes. Os valores relativos ao pagamento pela prestação dos serviços de acolhimento estão em conformidade com os praticados pela Secretaria Nacional de Políticas Sobre Drogas (Senad) do Ministério da Justiça.

Atualmente, com o edital vigente, 37 comunidades acolhedoras estão credenciadas à Rede Acolhe e contribuem para a redução do número de pessoas atingidas pelo uso abusivo de álcool e outras drogas. Para ter acesso aos requisitos e documentos necessários para participar desta seleção, os interessados podem acessar o Edital completo no Diário Oficial do Estado

A documentação exigida pode ser entregue na sede da Seprev, na rua Joaquim Nabuco, 117, Farol, em Maceió, até o dia 17 de julho, quando será realizada Sessão Pública para abertura dos envelopes.

Ascom – 14/06/2018