Marx Beltrão destaca que bancada está comprometida com busca de recursos para grotas

Diante de mais de 100 lideranças comunitárias da capital, o deputado federal Marx Beltrão (PSD), coordenador da bancada alagoana no Congresso, participou da 1ª Conferência das Grotas de Maceió.

À platéia o parlamentar reiterou a disposição dos deputados e senadores em atrair recursos federais para melhorar a condição de vidas nas comunidades e áreas de risco em Maceió.

Marx afirmou ainda que Executivo precisa apresentar projetos para que a bancada possa buscar recursos em Brasília. Isto porque sem projetos a atuação dos parlamentares fica limitada.

“Nossa força de trabalho vai se empenhar nesta melhoria. Neste ano, há a possibilidade de termos a disposição cerca de R$ 300 milhões de emendas impositivas de bancada. A PEC do orçamento impositivo está tramitando no Congresso e esperamos pela sua aprovação. Mas para buscar recursos precisamos de projetos, como o bem sucedido Vida Nova nas Grotas, do governo estadual. Com os projetos, não tenham dúvida, a bancada vai buscar os recursos” afirmou Marx Beltrão.

O evento é realizado pela Federação das Associações de Moradores e Entidades Comunitárias de Alagoas (FAMECAL) e tem como tema a questão da “Cidadania e Dignidade das Grotas de Maceió”. Os assuntos em debate giram em torno de sub temas como habitação e moradia popular, saneamento básico e contenção de encostas.

Mais de 70 mil pessoas vivendo em áreas de risco em 2010, Maceió é a 19ª colocada no ranking das cidades com mais habitantes expostos a enchentes e deslizamentos em todo o país. Os dados são do último levantamento do IBGE, de 2010, e certamente estão desatualizados. A estimativa é que o número real seja muito mais elevado.