Consulta pública sobre metas da Justiça para 2019 termina nesta quarta (1º)

A consulta pública feita pela Corte de Justiça de Alagoas e por mais 19 tribunais, com o objetivo de auxiliar na definição das metas nacionais e políticas do Judiciário para 2019, termina nesta quarta-feira (1º). Podem participar magistrados, servidores, membros do Ministério Público, da Defensoria Pública e da sociedade em geral.

Esta é a primeira vez que tribunais de Justiça do país se unem para realizar uma pesquisa em conjunto. “A intenção é realizar uma gestão participativa dos órgãos e cidadãos, que poderão emitir suas opiniões sobre as Metas Nacionais do Poder Judiciário para 2019”, explicou o chefe da Assessoria de Planejamento e Modernização do TJAL, Clóvis Gomes.

A iniciativa atende à resolução nº 221 do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). No âmbito da Justiça alagoana, as metas são coordenadas pelo desembargador Domingos de Araújo Lima Neto.

O processo de Gestão Participativa está sendo realizado pela Rede Nacional de Governança da Justiça Estadual. A coordenação do subcomitê Nordeste é conduzida pelo Tribunal de Justiça da Bahia (TJBA).

Ascom – 31/07/2018